Bahia, 1 de agosto de 2021 às 14:43 - Escolha o idioma: pt Português

As tendências da primavera/verão 2021


Publicado em: 25 de outubro de 2020


 

 

 

Com mudanças de caminhos guiadas pela pandemia, as tendências do próximo ano ainda são incertas, mas já temos nossas apostas!

A pandemia causou mudanças drásticas no mundo, principalmente quando falamos no universo fashion: tudo tornou-se muito incerto. As tendências primavera/verão 2021 se incluem neste pensamento, já que não sabemos quando a situação ficará melhor e seremos livres novamente para irmos e virmos para os lugares com nossos amados looks, expressando nossas personalidades através do estilo.

O vírus foi um verdadeiro catalisador de iniciativas e de implementação de novos hábitos: marcas reduzindo o número de coleções por ano, como Gucci e Saint Laurent, incorporando métodos e matérias-primas sustentáveis, como Balmain e Gucci, explorando maiores possibilidades e sendo mais inclusivas ao aderir a tecnologia em suas apresentações, e buscando um real propósito para existir e passando a reformular criador e criatura, realmente entregando seu valor genuíno para o mundo. Uma das grandes apostas para os próximos tempos, com certeza será a sobrevivência apenas de marcas que forem inclusivas, responsáveis, conscientes e que respeitarem os três pilares básicos da sustentabilidade.

Além disso, com o ritmo mais lento que tivemos que passar a adquirir após a chegada avassaladora do Covid-19, as coisas tendem a ser mais locais: o manual e produtos originados de processos mais cuidadosos e menos massificados nos trarão a sensação de acolhimento e proximidade, dois adjetivos que consciente ou inconscientemente estarão em falta após longos meses (ou anos?) de isolamento social. Traduzindo para o mundo da moda: lojas pequenas e autorais, assim como brechós e todas as marcas que explorarem a economia circular ou upcycling ganharão bastante notoriedade, mas claro, sempre deixando seus propósitos, processos e valores de forma bem transparente, pois estaremos mais atentos a isso e os consumidores passarão a cobrar mais responsabilidade das empresas.

As tendências são o reflexo do comportamento de um grupo de pessoas

Antes de falarmos sobre as tendências primavera/verão 2021, sempre explicaremos todos os caminhos que foram trilhados para que algo torne-se desejo: ainda não temos respostas e tanta certeza sobre o que será ou não tendência nos próximos meses, pois assim como pensamos que alguns mercados sofreriam impacto negativo durante a pandemia, eles cresceram, na verdade, estão demonstrando um grande potencial de manterem-se em linha crescente, enquanto outros ou já fecharam ou estão prestes a tal fim.

Dualidade de pensamentos

E finalmente falando sobre as roupas, calçados e acessórios, há uma grande dualidade acontecendo. Sempre vivemos entre pessoas que pensam de maneira diferente, mas em determinados períodos um pensamento em especial é adotado pela maioria e uma minoria representa o contramovimento, mas o que podemos observar, pelo menos na moda, é que há um número muito parecido entre pessoas que adotam visuais e hábitos minimalistas, com outras que mantêm uma espécie de pensamento positivo (distorcido ou não) de que tudo será normalizado em breve e continuam comprando da mesma forma, com os mesmos pensamentos, sem muitos questionamento acerca de assuntos que envolvem consciência, sustentabilidade e propósito.

Muitas pessoas perderam e ainda irão perder seus empregos durante a pandemia, enquanto muitas estão optando pelos serviços informais que não garantem renda fixa, portanto, o ritmo desacelerado que algumas marcas optaram por seguir é um eco da situação.

Vamos às tendências primavera/verão 2021!

Para as próximas criações que se tornarão referência em roupas, calçados e acessórios, contando as cores e os materiais utilizados, com certeza o fato de muitas pessoas estarem trabalhando e vivendo mais casa do que em qualquer outro lugar influenciará o conforto, além dos sentimentos de otimismo e de escapismo, que refletirá em cores e materiais mais leves.

  1. Acessórios e detalhes em blusas e camisas: informação de moda do “teclado para cima”

As redes sociais mudaram a nossa forma de viver, de consumir, de se comunicar e de se vestir. Enquanto muitas pessoas não estão nada preocupadas com as roupas que vestem, trabalhando em casa ou não, as plataformas de compartilhamento de fotos e vídeos nos despertam desejos através de looks do dia, dicas de estilo e vídeos curtos com truques de styling. Com muitas pessoas em casa, o desejo em se expressar acaba sendo externado nas redes, onde mostrar o rosto, os visuais ou o estilo que se é adepto faz parte de afirmar sua personalidade e autenticidade para o mundo – além da possibilidade de trabalhar como influencer ser a opção de muitos, principalmente aos mais jovens.

Além disso, com o home office cada vez mais em alta, as videochamadas fazem parte do cotidiano de muita gente, e vestir-se de maneira confortável, porém estilosa, faz-se necessário.

  • Brincos, colares e acessórios de cabelo

Já podemos observar que o poder dos acessórios foi notado: com brincos maciços, correntes robustas e mix de comprimentos, materiais e cores, os itens potencializam o estilo de qualquer visual junto aos acessórios de cabelo como as presilhas, os scrunchies, as tiaras e os lenços.

As correntes merecem atenção especial, já que há um bom tempo elas vêm aparecendo nos looks em mix poderosos, mas, para quem já está à procura de novas maneiras de compôr os visuais, um modelo circular e mais rígido de colar apareceu figurando produções de algumas marcas, inclusive da Versace, que nunca abre mão do seu glamour, e investiu em pingentes e no acessório em dose dupla.

O último em especial tem tudo para ganhar nova roupagem durante o verão, reforçando o visual camponesa, usado como bandana, que já estamos vendo por aí, junto com cardigans inseridos em looks mais despojados com uma pitada de sensualidade despretensiosa.

Durante a primavera/verão 2021, os lenços com padronagens clássicas podem coordenar muito bem com os biquínis e maiôs (nem que seja para tomar sol no quintal ou varanda de casa).

Além disso, o styling da coleção “Epilogue” da Gucci nos mostrou que é possível coordenar look, lenço e óculos com a mesma padronagem ou cartela de cores. Tonalidades neutras para quem é mais básica ou clássica, e as mais exuberantes para quem não abre mão do maximalismo glamouroso.

Após anos no esquecimento, os broches aparecem arrematando – e enriquecendo – o styling de diversas marcas que apresentaram suas coleções da Primavera/Verão 2021, desde os modelos mais tradicionais, que parecem ter saído da caixa de jóias da vovó, ou os mais contemporâneos e criativos, com tamanhos e formas exuberantes, impossíveis de passarem despercebidos.

Espere encontrar cintos clássicos, porém com fivelas imponentes e arrojadas, além dos modelos duplos, e com diferentes espessuras. A maneira de usar também pode ser inusitada: herança dos anos 2000 – e de Carrie Bradshaw – o cinto deslocado (usado fora dos passantes) é um poderoso truque de styling para quem curte composições bem modernas.