Bahia, 1 de agosto de 2021 às 14:20 - Escolha o idioma: pt Português

Guarda Municipal e PM vão impedir comércio de fogueiras


Publicado em: 23 de junho de 2021


Uma ação integrada entre a Guarda Municipal (GM) e a Polícia Militar (PM) vai impedir a comercialização de fogueiras, a partir de terça-feira (22), em Feira de Santana. De acordo com a Prefeitura, o trabalho tem o objetivo de fazer cumprir o decreto municipal publicado, dia(21), no Diário Oficial Eletrônico, pelo prefeito Colbert Martins Filho.

Denominada Operação Fogueira, a fiscalização terá a participação de duas companhias da PM e de prepostos da Guarda Municipal. “Fazemos um alerta de que não se pode acender fogueiras em vias públicas, tampouco vendê-las. Se houver desobediência ao decreto, apreenderemos o material”, advertiu a comandante da GM, Cássia Dias.

A determinação imposta pelo Governo Municipal também não permite que fogueiras sejam acesas em condomínios residenciais.

TOQUE DE RECOLHER – De acordo com Cássia Dias, os guardas municipais estarão nas ruas, juntamente com a equipe da Fiscalização Preventiva Integrada (FPI), a fim de constatar o cumprimento do Toque de Recolher, que se estende até a próxima segunda-feira (28), sempre das 20h às 5h.

A comandante enfatizou que “esse é um momento atípico, por conta da pandemia” e que “a intenção é coibir as aglomerações” típicas do período junino, a fim de se evitar a disseminação do novo coronavírus. Dessa forma, eventos e atividades com presença de público permanecem suspensos. A venda de bebidas alcoólicas também está proibida durante a vigência do Toque de Recolher.

COMÉRCIO FUNCIONA – O decreto municipal, no entanto, autoriza o funcionamento do comércio até o dia 28, mas de acordo com o escalonamento dos setores. Os estabelecimentos são obrigados a cumprir os protocolos de segurança recomendados pelas autoridades sanitárias.